terça-feira, 23 de junho de 2009

E estamos dentro da canção...


Dentro dela,
Sentindo e sentindo...
Respirando no ritmo.
Sem pensamento algum.
Sentindo o pulsar...
Emerge a vontade,
A límpida vontade,
Onde nada a prende...
Não é desejo e nem pensamento.
Se assim o fosse estaríamos limitando o ilimitado.

12 comentários:

António Rosa, José disse...

«Emerge a vontade,
A límpida vontade,»

Adorei a imagem da vontade límpida.

Abraço e bom São João

tereza ferraz disse...

Sim Grande Coração=sentimos ne?

ney disse...

A vontade em toda a sua plenitude. ney/

tereza ferraz disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
tereza ferraz disse...

E assim seguimos, e em parte já estamos.
Abraço grande ney/

Lucia Campos virtual disse...

Apenas silenciando pensamentos e desejos é que podemos deixar a Vontade emergir, afinal ela é atributo do Espírito!
Te saúdo, doce amiga...

adriana disse...

:)

silvia disse...

Sim amiga, seguindo canção no silencio interno e eterno.

Maria Izabel Viégas disse...

Amada Amiga,
Estou maravilhada com teu blog, é o caminho do ser-luz que és.
Felicidade , a tenho exultante em mim por estar aqui, uma honra tua presença em minha vida!
Que assim o seja : translúcido como tua alma.
Beijos, anjo!

tereza ferraz disse...

Amadas amigas: E vamos nós!
Namaste.

Energia Universal disse...

Sim, amiga, sempre, sempre segue-se a vontade da Alma, essa sempre vai imperar e nos faz alçar vôo, seguir, desbravar!!
Lindo!

Norma Villares disse...

Somos criaturas com capacidade para abertura de asas e para voarrrrrrr... Com alegria e coração. Acendi a chama em meus blogs, em nome da harmonia e estados elavados de consciência. Sublime abraço